NOTÍCIA

As tartarugas gigantes nasceram em Galápagos após 100 anos

As tartarugas gigantes nasceram em Galápagos após 100 anos

Os intensos esforços de conservação das tartarugas gigantes de Galápagos estão valendo a pena. Após 100 anos, o primeiro filho começou a nascer.

“Estou surpreso que as tartarugas tenham nos dado a oportunidade de corrigir nossos erros depois de tanto tempo”, comentou o pesquisador James Gibbs, que teve o privilégio de observar um pequeno grupo de filhotes de tartarugas na Ilha Pinzón, uma das Ilhas Galápagos.

A atividade humana nas ilhas colocou as tartarugas gigantes em risco de extinção, mas com a notícia, as esperanças de retirá-las da lista vermelha são recuperadas.

Em 1960, o grupo de 100 tartarugas que permaneciam na Ilha Pinzón foi transferido para uma área segura para que pudessem crescer com segurança. Depois de erradicar uma praga de ratos que comeram os ovos em 2012, as tartarugas finalmente renasceram em seu habitat.

Em dezembro passado, o pesquisador James Gibbs disse que viu pelo menos 300 tartarugas pela primeira vez na ilha, e que 10 delas eram filhotes.

Também o chefe dos ecossistemas do Parque Nacional de Galápagos do Equador, Danny Rueda, confirmou o nascimento e mencionou que se trata de um evento significativo para o futuro das espécies da ilha.

Mas as investigações realizadas apontam para a cifra de 500 exemplares que habitam a ilha, após o grande esforço de conservação e repovoamento.

Esperançosamente, esta magnífica espécie terá sucesso e possa repovoar as ilhas.

Com informações de:

https://ahora.com.ar/
https://zonafranca.mx/


Vídeo: Conheça as tartarugas de Galápagos (Agosto 2021).