NOTÍCIA

A primeira fábrica da América Latina de sacolas que se transformam em composto

A primeira fábrica da América Latina de sacolas que se transformam em composto

A empresa se chama “Eu não sou plástico”, vai fabricar sacolas biodegradáveis ​​e a primeira fábrica de biopolímeros da América Latina será instalada em Canelones, no Uruguai.

Estes sacos dissolvem-se em água quente a 80 ° C e em terra transformam-se em composto, são comestíveis e nos mares e oceanos desintegra-se. Essas bolsas que transportam até 4kg. são 100% orgânicos, 100% compostáveis ​​e não são tóxicos para nenhum ser vivo.

A empresa garante que vai produzir bolsas que se dissolvem em água quente a 80 graus, em terra viram adubo, em mares e rios se desintegram, é comestível.

Como campanha, a empresa enviou amostras da bolsa para diferentes mídias com o slogan que sejam colocadas em um copo de água quente, mexa para ver se dissolve.

A Lei sobre o Uso Sustentável de Sacolas Plásticas, aprovada pela Assembleia da República no Dia Mundial do Meio Ambiente, estabelece:

"Artigo 1. A prevenção e redução do impacto ambiental decorrente da utilização de sacolas plásticas devem ser declaradas de interesse geral, por meio de ações de desestímulo ao seu uso, promoção de sua reutilização, reciclagem e outras formas de valorização.

Artigo 2. (Âmbito) .- Estão abrangidos por esta lei todos os sacos de plástico utilizados para conter e transportar produtos e bens que: A) sejam fornecidos ao consumidor em qualquer ponto de venda ou entrega; e B) Não fazem parte da apresentação do produto, seja no atacado ou no varejo, em qualquer área, negócio ou atividade. O precedente, exceto para as exclusões previstas no artigo seguinte.

Com informações de:


Vídeo: NÃO de Descarga na Sua PRIVADA Faça essa receita e tenha Banheiro perfumado 24 Horas!!! (Dezembro 2021).