NOTÍCIA

200 artistas e intelectuais assinaram um manifesto pela Terra

200 artistas e intelectuais assinaram um manifesto pela Terra

O manifesto, que visa conscientizar sobre o problema das mudanças climáticas e seus efeitos na Terra, publicado dia 4 de setembro no famoso jornal francês Le Monde, foi assinado por celebridades como os cineastas Win Wenders e Pedro Almodóvar.

Através do jornal francês Le Monde, 200 artistas e diferentes personalidades entre os quais Pedro Almodóvar, Isabel Coixet, Juliette Binoche, Jude Law, Isabella Rossellini, Wim Wenders, David Cronenberg, Isabelle Adjani, Alain Delon, Laetitia Casta e John Turturrose , entre outros, falou em 4 de setembro para fazer uma chamada global para salvar o planeta Terra. É "o maior desafio da humanidade", escreveram eles.

“Estamos passando por um cataclismo planetário. Aquecimento climático, redução drástica de espaços habitacionais, colapso da biodiversidade, contaminação profunda do solo, água e ar, desmatamento acelerado ”, são algumas das declarações com as quais os artistas denunciam o grave estado atual do planeta.

A mensagem foi clara e forte para os atuais governos do mundo que ainda não priorizam o problema das mudanças climáticas em suas agendas. “É uma questão de sobrevivência que, por definição, não pode ser secundária. “Acreditamos que um governo que não prioriza a salvaguarda do que ainda resta não pode ser levado a sério”, garantiram, “no ritmo atual, em algumas décadas quase não restará” e argumentam que os humanos e a maioria de espaços de vida estão em uma situação crítica. Apesar disso, consideram que “não é tarde para evitar (...) a sexta extinção em massa”, para a qual é necessário que “toda a ação política” vá no sentido de “lutar contra o cataclismo”.

Com informações de:


Vídeo: O Senhor do Senhor dos Anéis era Esperantista? Esperanto do ZERO! (Julho 2021).